O Novo rumo da formação docente em Bolívia. Um movimento diferente?

Jaqueline Marcela Villafuerte Bittencourt, Maria Luz Mardesich Pérez

Resumo


O objetivo deste artigo é identificar sujeitos e descrever fatores no processo de mudança estrutural na educação boliviana, a partir da “Refundação do Estado”, instituída mediante a promulgação da Constituição 2009. Nesse processo, houve um movimento de enfatizar o público em detrimento do privado, diferente de outros países na América Latina. Utilizamos a história e a organização da formação docente como fio condutor analítico da revolução cultural que se pretende instaurar na Bolívia, a partir do modelo sócio-produtivo instituído pela Lei da Educação de 2010.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22420/rde.v11i21.799



Indexada em:

Bibliografia Brasileira de Educação (BBE – CIBEC/INEP/MEC).
Latindex – Sistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal.
Library of Congress (USA).
Rede RVBI - Rede Virtual de Bibliotecas Congresso Nacional.
SEER - Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas (IBICT/MCT).
EDUBASE - Base de Dados em Educação da UNICAMP.
Portal de Periódicos Científicos da CAPES.
CLASE - Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades (México)
Dialnet - BNE/UNIRIOJA/Fundación Dialnet (Espanha)
LivRe! (CIN/CNEN)
Diadorim (Ibict/MCTI)
Fundacao Biblioteca Nacional (RJ);
DOAJ - Directory of Open Access Journals (Dinamarca)
IRESIE - Indice de Revistas de Educación Superior e Investigación Educativa (IISUE/UNAM-México)