Ataque à escola pública e à democracia: notas sobre os projetos em curso no Brasil

Dirce Zan, Nora Krawczyk

Resumo


Nos últimos tempos acompanhamos um forte avanço do pensamento conservador no Brasil, expresso de forma mais contundente com o Golpe que ocorreu em 2016. Desde então, o país segue em um ritmo acelerado de desmonte de direitos, de interrupção das políticas sociais anteriormente construídas e de aprofundamento das desigualdades educacionais e sociais. Como manifestação dessa conjuntura e do avanço do conservadorismo em nosso país, nos propomos aqui tratar de quatro projetos que estão em curso na educação brasileira: o Programa Escola sem Partido, a militarização das escolas públicas, o Homeschooling e a inclusão do empreendedorismo como tema importante nos currículos escolares. A análise dessas políticas nos permitirá perceber de que forma essas ideias e propostas crescem em um contexto de fragilização da compreensão da educação como um direito.


Palavras-chave


Conservadorismo. Escola sem partido. Militarização da educação. Ensino domiciliar. Empreendedorismo Brasil.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22420/rde.v13i27.1032



Indexada em:

Bibliografia Brasileira de Educação (BBE – CIBEC/INEP/MEC).
Latindex – Sistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal.
Library of Congress (USA).
Rede RVBI - Rede Virtual de Bibliotecas Congresso Nacional.
SEER - Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas (IBICT/MCT).
EDUBASE - Base de Dados em Educação da UNICAMP.
Portal de Periódicos Científicos da CAPES.
CLASE - Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades (México)
Dialnet - BNE/UNIRIOJA/Fundación Dialnet (Espanha)
LivRe! (CIN/CNEN)
Diadorim (Ibict/MCTI)
Fundacao Biblioteca Nacional (RJ);
DOAJ - Directory of Open Access Journals (Dinamarca)
IRESIE - Indice de Revistas de Educación Superior e Investigación Educativa (IISUE/UNAM-México)