A saúde vocal do professor em uma pesquisa nacional

Gustavo Bruno Bicalho Gonçalves

Resumo


A grande proporção de profissionais da educação que sofre de distúrbios de voz justificou atenção específica da pesquisa Trabalho Docente na Educação Básica no Brasil (TDEBB). Este artigo parte de um banco de dados composto de uma amostra de 8.795 questionários de docentes de escolas básicas das redes estadual, municipal e da rede conveniada de sete estados brasileiros, nos três níveis da educação básica. A partir de três grupos com perfis distintos são analisados comparativamente o perfil sócio demográfico, profissional, as condições de trabalho e os processos de intensificação do trabalho nas escolas, com riscos para a saúde vocal. Outros fatores, associados ao perfil de morbidade, são a percepção sobre o trabalho e as estratégias para a manutenção da saúde. O artigo identifica fatores de risco e de proteção à saúde vocal do docente brasileiro, indicando caminhos para contribuir na promoção da saúde ocupacional nas escolas, a qualidade da educação e a valorização da profissão.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22420/rde.v6i11.220



Indexada em:

Bibliografia Brasileira de Educação (BBE – CIBEC/INEP/MEC).
Latindex – Sistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal.
Library of Congress (USA).
Rede RVBI - Rede Virtual de Bibliotecas Congresso Nacional.
SEER - Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas (IBICT/MCT).
EDUBASE - Base de Dados em Educação da UNICAMP.
Portal de Periódicos Científicos da CAPES.
CLASE - Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades (México)
Dialnet - BNE/UNIRIOJA/Fundación Dialnet (Espanha)
LivRe! (CIN/CNEN)
Diadorim (Ibict/MCTI)
Fundacao Biblioteca Nacional (RJ);
DOAJ - Directory of Open Access Journals (Dinamarca)
IRESIE - Indice de Revistas de Educación Superior e Investigación Educativa (IISUE/UNAM-México)